No mundo empresarial e corporativo que vivemos hoje, somente os profissionais preparados e capacitados podem exercer esta profissão com eficiência e eficácia. As frequentes mudanças na área dos negócios, sobretudo, com a sua internacionalização, levam as empresas a integrar profissionais com este perfil, mas requerendo um conjunto de competências e aptidões cada vez mais técnicas e, simultaneamente, mais abrangentes.

Para além da grande relevância das suas atividades específicas, o Técnico de Secretariado tem de ser capaz de assessorar direta ou indiretamente os executivos; Participar e discutir objetivos e metas da organização; Redigir textos profissionais em vários idiomas; Organizar eventos protocolares; Organizar arquivos e controlar documentos e correspondência; Compreender os campos da administração e recursos humanos, contabilidade, economia geral, legislação.

CONDIÇÕES DE ACESSO
9º Ano de escolaridade ou formação equivalente
Idade igual ou inferior a 19 anos

CARGA HORÁRIA TOTAL
Formação: 3125 horas (10º, 11º e 12º)
Estágio (FCT): 600 horas

Cerificação Escolar e Profissional

SAÍDAS PROFISSIONAIS

  • Secretária de Direção
  • Secretária Comercial ou Administrativa
  • Assistente de Relações Públicas
  • Assistente de Departamento (Comercial, Marketing, Financeiro, Recursos Humanos)
  • Rececionista/Telefonista

COMPONENTE SOCIOCULTURAL
HORAS
Português
320
Língua Estrangeira
220
Área de Integração
220
Tecnologias da Informação e Comunicação
100
Educação Física
140
COMPONENTE CIENTÍFICA
HORAS
Economia
200
Matemática
100
Psicologia e Sociologia
200
FORMAÇÃO TECNOLÓGICA
1025H

Subsídios e Apoios

Se é Encarregado de Educação, estas informações, são, sobretudo para si.

Subsídio de Alimentação

Subsídio de refeição em espécie, almoço servido na cantina escolar, nos dias de aulas, de acordo com o calendário escolar. Nas situações em que os alunos não almoçam na escola - Visitas de estudo da turma e Períodos de FCT (Estágio) - o subsídio é atribuído em dinheiro, no valor de 4,77€ cada refeição.

Subsídio de Transporte / Alojamento

Subsídio de Transporte, de acordo com a fatura de compra do passe ou bilhetes dos transportes públicos. Pago no final de cada mês.
Despesas de Transporte até ao limite máximo mensal de 15 % do IAS (65.36€) quando não exista transporte público compatível com o horário escolar.
Subsídio de alojamento até ao limite máximo mensal de 30% do IAS (130,00€), quando a localidade de residência do aluno distar 50 km ou mais da escola ou quando não existir transporte coletivo compatível com o horário escolar, podendo ainda ser pagas as viagens em transporte coletivo no início e no fim de cada período letivo. Aos alunos beneficiários de subsídio de alojamento é atribuído o subsídio de segunda refeição (jantar) em dinheiro, no valor 4,77€ cada refeição.

Bolsa de Material Escolar

A Bolsa para Material de Estudo é atribuída por ano curricular e paga no início do respetivo ano letivo até ao limite máximo de 163,00€ (de acordo com o Escalão do Abono de Família).